46º FICG encerra programação com a Mostra de Teatro

Postado por ascom em 24 de agosto de 2021


O Festival de Inverno de Campina Grande encerra a programação de sua 46º edição com a Mostra Nacional de Teatro. Uma mesa redonda e três espetáculos integram as atividades de hoje.

Pela manhã aconteceu a mesa redonda “Curadoria e Crítica Teatral em tempos do TEATR-ON”, com os debatedores Tania Brandão do Rio de Janeiro e Valmir Santos de São Paulo. Tania é historiadora, com especialização em História do Teatro Brasileiro, Metodologia da Pesquisa em História do Teatro e Estudos de Crítica Teatral. Já Valmir é jornalista e crítico fundador do site Teatrojornal – Leituras de Cena.

 

Espetáculo Eu-casa./ Foto: Divulgação.

 

A noite, a partir das 18h, começam as transmissões dos espetáculos de teatro. O primeiro deles é o experimento cênico “Eu-casa”, do Grupo Parahyba Rio Mulher, de João Pessoa. Nesse experimento, o elenco conduz o público em um jogo virtual no qual ele realiza uma visita à casa das atrizes, percorrendo os espaços do lar e os espaços de suas próprias histórias. O “Eu-casa” é uma performance virtual multiplataforma e interativa,  que conta com recursos do whatsapp (ou e-mail), do Instagram e do Zoom para realizar a jornada através de um jogo interativo.

 

Espetáculo Insônia – Titus Macbeth./ Foto: Divulgação.

 

Em seguida, às 19h, tem a transmissão do espetáculo “Insônia – Titus Macbeth”, do Escritório das Artes de São Paulo. Nessa peça, Macbeth e Titus Andronicus, duas das mais sanguinárias tragédias de Shakespeare se fundem. Lady Macbeth nos conduz por uma trama de ambição e assassinato, enquanto acompanhamos Titus em sua insana espiral de vingança. Enquanto a encenação acontece, as câmeras circulam entre os atores dentro de uma grande instalação, criando para o espectador a sensação de estar dentro do palco junto dos personagens.

 

Espetáculo Sonhos de uma noite com o Galpão./ Foto: Divulgação.

 

Encerrando a noite, o Grupo Galpão apresenta o espetáculo “Sonhos de uma noite com o Galpão”. A encenação acontece direto de Minas Gerais com transmissão para o Teatro Municipal e YouTube. A peça faz uma viagem onírica, poética e essencialmente teatral a partir da coleta e da pesquisa de mais de 150 sonhos nesse período de pandemia. Esse trabalho mergulha no universo dos sonhadores, convidando o público a compartilhar desta experiência e adentrar nestas frestas que misturam teatro e audiovisual. O espetáculo teve sua estreia nacional no último sábado, dia 21 de agosto, e encerra a programação do 46º Festival de Inverno de Campina Grande.

As transmissões dos espetáculos acontecem no Teatro Municipal através de um telão para o público e também no canal do festival no YouTube. Após a transmissão de cada espetáculo, acontece um debate entre atores, público e internautas sobre as montagens. O ator e diretor de teatro Chico Oliveira vai ser o mediador. Os ingressos para assistir presencialmente no teatro estão disponíveis em sympla.com.br/tmsc.

O 46º Festival de Inverno é uma realização do Solidarium – Instituto de Arte, Cultura e Cidadania, e Prefeitura Municipal de Campina Grande. Esta edição é promovida com recursos da Lei Aldir Blanc e tem o apoio de empresas e instituições da cidade.

 

Confira a programação:

 

Terça-feira – 24 de agosto

 

10h – Mesa-Redonda: “Curadoria e Crítica Teatral em tempos do TEATR-ON”.

Debatedores: Tânia Brandão (RJ) e Valmir Santos (SP)

Local: Teatro Municipal e Transmissão via Canal do YouTube

 

18h – Eu-Casa

Grupo Parahyba Rio Mulher (PB)

Local: Teatro Municipal e Transmissão via Canal do YouTube

 

19h – Insônia – Titus Macbeth

Escritório das Artes (SP)

Local: Teatro Municipal e Transmissão via Canal do YouTube

 

20h30- Sonhos de uma noite com o Galpão

Grupo Galpão (MG)

Local: Teatro Municipal e Transmissão via Canal do YouTube